LANÇAMENTO DO LIVRO 'PANFLETOS DE AMOR NA GUARITA DA GUERRA'

O inesgotável poeta jacobinense Hamilton Britto acaba de publicar o seu livro Panfletos de amor na guarita da guerra, uma coletânea de poesias que, como sugere o título, trata do mais belo sentimento dentro da realidade de um experiente "pião de trecho", o trabalhador dentro de sua sociabilidade, mas antenado na peleja. O autor brinca com os versos num linguajar popular, "para ler cantando", e aborda paixão, angústia, musicalidade, dor e prazer ao longo de cinquenta e poucos panfletos.

Panfletos de amor... é o quinto livro de Hamilton Britto, após Prosiado - Anotações de Um Operário Mambembe (2018); Berano o Tombador (2019); Intifadas Literárias (2020) e Sutaque na Rima – Melodia das Quebradas (2021). Todas as obras são de produção independente e levam o selo da Editora Pilões.

Você pode fazer o download da revista ao fim da matéria e contribuir com quanto quiser para o poeta através da chave pix (74) 98824 - 4745.


Confira 18 CANGAIAS de Hamilton Britto:


Dúzia e meia de cangaia

36 cabeçotes tem

Onde anda ela agora

Só promete e não vem?

É triste a dor da espera

Aguardando por alguém

A gente sofre de dia

Chora de noite também

Revira na cama aflito

Caçando o que não tem

Dormir sozinho é fogo

Pior acordar sem ninguém

Vou partir em sua busca

É o que me convém

O difícil é a passagem

No meu bolso nenhum vintém

Tô devendo na farmácia

Não paguei o armazém

O jeito é ir de carona

Ou pongueando no trem

Pois sei se eu não for

Tampouco ela não vem

Se não teve avemaria

Não espere o amém

Prometer de tudo a ela

Ser a única do harém

A dona do meu tudo

Darei todo meu bem

Dúzia e meia de cangaia

36 cabeçotes tem

Onde anda ela agora

Só promete e não vem?


BAIXE O LIVRO AQUI:

PANFLETOS DE AMOR NA GUARITA DA GUERRA
.pdf
Download PDF • 1.09MB